Você está na categoria

#Vídeos

Astronautas Malham Diariamente no Espaço

4 de abril de 2013

Em um ambiente sem gravidade, os músculos relaxam, pois não precisam fazer esforço algum, os ossos enfraquecem e em poucas semanas seríamos amebas planadoras dentro de uma estação espacial. Isso seria, se não fossem as engenhocas inventadas para exercitar os astronautas.

No vídeo vemos Chris Hadfield, da Estação Espacial Internacional, mostrando sua rotina diária onde é obrigado a fazer duas horas de exercícios na gravidade zero. Mas como puxar peso, se não tem gravidade??

Confira os equipamentos!

Polêmica: Propaganda do Mercedes Classe A

4 de abril de 2013

O que eu senti?

Primeiro foi: É uma paródia.
Depois: Ok… o “girando girando” foi sincronizado. Será que é sério?
Daí: hmmm.. sempre quando fala “Ahh” aparece um “A” na tela. Não pode ser…
E então: “No passinho do volante” também aparece escrito. Ó pai, é verdade!

Sempre quando vejo uma propaganda com potencial polêmico eu imagino a reunião da equipe pra desenvolver a idéia. Como deve ter sido, quem trouxe esta idéia, quem será que aprovou e quem foi que falou “Puta!!! Matou a charada, vamos usar a música ahhh lelek porque tem o A, entnderam?”

Eles desabilitaram os comentários do vídeo e na votação está 50% de likes e deslikes. Não sei se quem votou em dislike tem sequer o dindin pra comprar um carro desses, mas vale a opinião. Eu ainda to digerindo a idéia e pensando que quem comprar vai certamente sofrer as consequências desta música, do tipo: “e… to andando num classe Aaaahhhh leleke lek lek” e por aí vai…

Aqui está o comercial polêmico do dia, o que acharam?

Enquanto isso, fiquem com o oposto da proposta da Mercedes, um comercial que simplesmente apaixona pela música, é de 2008 e ainda me lembro da trilha da Patrícia Coelho – Lets go the way you know:

Of Monsters and Man no Lollapalooza

2 de abril de 2013

Aqui o show completo do Of Monsters and Man no Lollapalooza. Este festival de música que teve recentemente em São Paulo.

O som não está tão bom, tá sem o grave, então as batidas estão secas, mas dá pra acompanhar tudo no melhor estilo jóinha e curtir o somzão desta banda que promete muito ainda!

Já falei deles aqui, aqui e aqui.