15 pessoas já comentaram

  • Luis disse em 02/12/2011 | 11:30.

    Que Fátima o q! Tô vendo a filha da Monique Evans, benzadeus…

    Responder

    • Flavio Lamenza disse em 02/12/2011 | 11:46.

      (é por isso que nem apaguei tanto… hehe, deixei um branco bem clarinho)

      Responder

  • Salvador disse em 02/12/2011 | 11:31.

    Bárbara Evans *_*

    Responder

  • sstorm disse em 02/12/2011 | 11:59.

    Mais uma do nosso querido diretor de redação Trollando Master.

    Responder

  • Cadu disse em 02/12/2011 | 12:05.

    Cara…quem quer saber de Casal Nacional. O que liga é essa Barbara Evans! =]

    Responder

  • Jujuba de Leão disse em 02/12/2011 | 12:40.

    Nossa Barbara Evans dá um aperitivo do ensaio nú…. quem liga pra Fatima sei lá oq… XP

    Responder

  • Sylvia disse em 02/12/2011 | 01:50.

    A menina é mesmo linda.

    Responder

  • lisi disse em 02/12/2011 | 02:10.

    caramba, que jornal desesperado para vender! falo isso pelo outro post também, hahaha, que baita porcaria ‘-‘

    Responder

    • Rodrigo disse em 02/12/2011 | 09:30.

      essa não conhece o meia hora…

      Responder

  • Erica disse em 02/12/2011 | 02:30.

    e alguém esperava uma manchete “séria” da meia hora?

    Responder

  • Douglas disse em 02/12/2011 | 10:22.

    O Rio de Janeiro realmente é um cidade abençoada. Lembro que chorei quando soube da reestruturação do “O Povo”. Felizmente, “Meia Hora” consegue carregar a tocha com a mesma dignidade.

    Responder

  • Sexólogo disse em 05/12/2011 | 12:46.

    Eita loirinha linda!!

    Responder

  • Maelson Almeida disse em 05/12/2011 | 11:31.

    Só quem pensa que funk carioca é música, compra essa merda como jornal.

    Responder

  • Prithy disse em 07/12/2011 | 06:04.

    Será que o programa é o mesmo da garota ao lado….??????
    Nada a ver essa capa… eles erraram feio…
    hauhauhauhuahua

    Responder

Comentar

Mas leia antes estas três regras:
  1. O Flavio Lamenza tem sempre razão
  2. Os campos marcados com * são obrigatórios
  3. Em caso de dúvida, ler a regra no 1