Cloaca Machine : A máquina do Tolete

8 de novembro de 2011

Eis que por mais incrível que possa parecer, o cara mais louco do mundo - tem que ser louco – chamado Wim Delvoye, inventou a Cloaca Machine, ou a Máquina da Cloaca. Usando o português claro e economizando explicações educadas, cloaca, para quem não sabe, é a bunda das aves. Ok ok… na verdade é uma espécie de curéca (uma mistura de cu com xereca) Enfim, sai tudo pelo mesmo lugar. Mas isso não vem ao caso agora.

O curioso é que este artista plástico insano criou uma máquina que simula a digestão e produz, nada mais, nada menos do que cocô. Ele “alimenta” a máquina a cada duas horas e ela produz um belo exemplar do mais fino tolete.

Ao final da experiência, você pode comprar um cocô embalado em uma linda embalagem transparente.

24 pessoas já comentaram

  • Dondiego disse em 08/11/2011 | 04:56.

    Que merd@!

    Responder

    • Talita disse em 08/11/2011 | 04:57.

      kkkkkkkk

      Responder

    • Cindy disse em 09/11/2011 | 12:16.

      Pensei o mesmo! kkkkkkkkk

      Responder

  • Talita disse em 08/11/2011 | 04:56.

    E essa invenção serve pra quê mesmo?? Ah, tá…

    Responder

  • thiago disse em 08/11/2011 | 04:59.

    Tbm tenho uma máquina dessa dentro de mim… só que essa ai é pirangueira no tamanho das merda.

    Responder

  • Paulo disse em 08/11/2011 | 05:19.

    Só eu que acho que já vi sobre essa “máquina” nesse blog?

    Responder

    • Sara disse em 10/11/2011 | 01:41.

      Só eu que acho que já vi sobre essa “máquina” nesse blog? ²

      Responder

  • Jonas robo disse em 08/11/2011 | 06:00.

    Porra meu,o cara literalmente só faiz merda só podia ser frances mesmo

    Responder

    • Carlos disse em 08/11/2011 | 10:04.

      Ele é suiço seu idiota :) Vc só podia ser… deixa pra lá…

      Responder

      • Roberto disse em 08/11/2011 | 10:06.

        Nops, ele é belga…

        Responder

  • Mano disse em 08/11/2011 | 06:15.

    isso não é novidade…. a seleção brasileira vem fazendo esse mesmo produto faz teeeeempo ein?

    Responder

  • Elcio disse em 08/11/2011 | 06:45.

    Será que a máquina, antes de parir a sucuri, antes de soltar o churros, também solta aquele aviso sonoro, como a gente faz?

    Responder

  • José disse em 08/11/2011 | 07:06.

    Vc já havia postado fotos dessa máquina a mtoooo tempo atrás hehe.

    Responder

  • Yo disse em 08/11/2011 | 08:31.

    Por um lado, muito útil para estudar a digestão, por outro, literalmente, uma grande merda.

    Responder

  • but what that hell disse em 08/11/2011 | 08:39.

    pod parecer besta,mas tem uma utilidade po…uma vez eu vi um TRENZINHU que vc poe comida e ele ”come” e se movimenta usando-a como combustivel…legal nao?

    Responder

  • Drew disse em 08/11/2011 | 11:16.

    Então quer dizer que…a gente pode comprar um pacote de cocô?? UAAAU…foi o que eu sempre quis!!

    Responder

  • Johnny disse em 09/11/2011 | 01:51.

    Acho que poderiam fazer um vídeo sobre a minha “máquina” de fazer merd*…. Duvido que encontrem alguma mais eficiente…hehehehe

    Responder

  • Alira disse em 09/11/2011 | 09:31.

    Não sei como eu posso ter vivido tanto tempo sem um coco embalado,…

    Responder

  • Fritz disse em 09/11/2011 | 10:05.

    Sera que se colocarmos milho na maquina também sairá inteiro do outro lado? O.O
    Estamos a um passo (ta ok, dois passos) de mudar a humanidade com essa descoberta.

    Responder

  • caio disse em 09/11/2011 | 02:37.

    essa é uma postagem beeeem velha do Chongas ^^
    legal repostá-la. eu rilitros quando eu vi pela primeira vez =)

    Responder

  • Paulo disse em 09/11/2011 | 06:46.

    Pra mim essa máquina é so fachada…essa embalagem ai me lembrou maconha, artista plastico deve ter que fumar muito pra pensar nisso…

    Responder

  • Matheus F. disse em 11/11/2011 | 06:49.

    que isso em Flávio, reciclando posts, esse foi um dos primeiros pelo q me lembro. Mas tanto faz, é mundo precisa saber dessa maquina kkkkkk’

    Responder

Comentar

Mas leia antes estas três regras:
  1. O Flavio Lamenza tem sempre razão
  2. Os campos marcados com * são obrigatórios
  3. Em caso de dúvida, ler a regra no 1